quarta-feira, março 14, 2007

Besouros

Ontem. Quarta-feira às cinco horas da manhã, faz vinte anos hoje, eu falei a você sobre os campos de morangos. Diga-me o que você vê. Está ficando melhor o tempo todo. Eu vou seguir o sol. Toda pequena coisa. Adorável Rita. Ontem. Aniversário. Torta de mel. Eu quero ser seu homem. Chora querida, chora. Estou tão cansado. Pássaro negro cantando. Por que não fazemos na estrada? Metade do que digo não tem sentido. Eu quero ser seu homem, sexo sadio, eu vou. Adorável Rita. Não uma segunda vez. Socorro! A noite depois. Preciso de você. É somente amor. Nenhuma resposta. Pergunte-me por quê. Através do universo. Dois de nós. Campos de morango para sempre. Aqui está o sol. Vamos juntos. Rei sol. Você nunca me deu seu dinheiro. Ela veio através da janela do quarto. Voando. Sua mãe deveria saber. Tudo que você precisa é amor. Diga-me o que você vê. Guie meu carro. O louco na montanha. A longa e sinuosa estrada. Por que não fazemos na estrada? Quer saber um segredo? Eu sou um perdedor. Ontem. Adorável Rita. O filho da Mãe Natureza. Oh! Querida. Eu quero você. O martelo prateado de Maxwell. Vamos juntos. Eu e o senhor Mostarda. Aniversário. Torta de mel. Tudo que você precisa é amor. Sua mãe deveria saber. Eu costumava ser louco na minha escola. Os professores que me ensinavam não eram legais. Pinte você mesma num bote sobre um rio com árvores de tangerina e céus de marmelada. Quando eu ficar velho perdendo meus cabelos. Eu li as notícias hoje. Uma pequena ajuda pros meus amigos. Realmente não importa se eu estou errado. Estou certo. Adorável Rita. Ontem. Poderia fechar a porta? A noite depois. Toda pequena coisa. Eu não quero estragar a festa. Você vai perder essa menina. Julia. Adorável Rita. Martha minha querida. Eleonor. Prudence. Anna. Michelle meu bem. Aniversário. Torta de mel. Diga-me o que você vê. Eu somente vi um rosto. Outra menina. Eu deveria ter sabido melhor. Por favor, senhor carteiro. Existe um lugar. Sexo sadio. Por que não fazemos na estrada? Tudo que você precisa é amor. Sua mãe deveria saber. Quer saber um segredo? Você não pode me comprar, amor. Eu vou chorar ao invés. Eu deveria ter sabido melhor. Você nunca me deu seu dinheiro. O que acontece? Corra para sua vida. Guie meu carro. A palavra. Você não me verá. Eu estou olhando através de você. Empreste-me seus ouvidos e eu cantarei pra você um som. Como eu me sentirei no fim do dia? Quando eu ficar velho perdendo os cabelos. Os professores que me ensinavam não eram legais. Adorável Rita. Por que não fazemos na estrada? Tudo que você precisa é amor. Sua mãe deveria saber. Menina. Eu preciso de você. Eu estou fazendo o melhor que posso. Está ficando melhor o tempo todo. Lucy no céu com diamantes. A menina com olhos de caleidoscópio. Enquanto minha guitarra gentilmente chora. Alguém. Oito dias numa semana. Metade do que digo não tem sentido. Por que não fazemos na estrada? Ninguém estará nos olhando. Você disse que queria uma revolução. Todos queremos mudar o mundo. Chora querida, chora. Você não sabe o quanto você é sortudo, cara. Você viu os porquinhos se arrastando na sujeira? Metade do que eu digo não tem sentido, mas digo somente pra alcançar você. Assim eu canto uma canção de amor. Enquanto minha guitarra gentilmente chora. Torta de mel. Adorável Rita. Selvagem torta de mel. Eu não quero estragar a festa. Aqui, ali e em qualquer lugar. Existe um lugar. Amanhã nunca sabemos. Por que não fazemos na estrada? Ninguém estará nos olhando. Tudo que você precisa é amor. Sua mãe deveria saber. Deixa estar.
Eu não sei por que você disse adeus, se eu disse alô. Menina. Corra pra sua vida. E o seu pássaro pode cantar.
P.S. Eu amo você.

9 comentários:

valter ferraz disse...

Milord, Beatles 4ever! e a tristeza se vai como veio, perdida nas brumas do pensamento.
Abraço, forte

O Meu Jeito de Ser disse...

A última frase fez todo o sentido.
Esta eu entendo perfeitamente.
E gosto de ouvir: Eu amo você.
Um abraço

Lord Broken Pottery disse...

Valter,
Fico muito pouco tempo sem ouvir Beatles. São, realmente, 4ever.
Grande abraço

Aninha,
Faz sim. Toda as música dos cabeludos de Liverpool falam, de alguma forma, sobre amor.
Beijo

O Meu Jeito de Ser disse...

Milord, estás linkado lá na "casa" da Aninha, ok?
Abraço

Eduardo P.L. disse...

Lord, ahhh bom!pensei que fosse passar sem texto novo, hoje!Este é para pensar. Depois eu conto.Vou ler de novo!

valter ferraz disse...

Milord, tem pão quente lá no perplexo, tá?

Lord Broken Pottery disse...

Aninha,
Obrigado pela deferência.
Beijão


Eduardo,
Sou um cara meio obsessivo, chegado em manias. Gosto de estabelecer metas para mim mesmo. SOu assim no trabalho, no esporte, um verdadeiro tirano comigo. Estabeleci que farei um post diário. Quando escapa me coloco de castigo.
Abraço

Valter,
Estou indo lá, correndo.
Abraço

peri s.c. disse...

Ah, ah, muuuuito legal.Vou passar para um amigo, fã visceral dos Beatles.

Lord Broken Pottery disse...

Peri,
Bom que você tenha gostado. Fã visceral dos Beatles, é como sou.
Abraço