quinta-feira, janeiro 04, 2007

Birthdays

Tenho sérios problemas com meu aniversário, em janeiro, hoje. Geralmente começo a murchar um pouco antes. Passo pelo Natal e Ano Novo amuado, desconfiado, triste. Não acho bom ficar mais velho. Sei que tudo é uma questão de ponto de vista, simbologia, não se está pior agora do que ontem. Na verdade, desde o instante de nosso nascimento, caminhamos para o inexorável, o encontro com a morte. Então, quando chega o dia dos meus anos, lembro que somei um no contador da minha idade e a coisa pega, dói.
É claro que é bom quando os parentes e os amigos festejam, cumprimentam, lembram a data de forma carinhosa. Quem não gosta de um agrado? Eu gosto, muito.
Voltando ao terreno da relatividade poderia comemorar, fazer o jogo do contente. Estou em boa forma física, pratico esportes regularmente, não fumo, não bebo, tenho emprego, sou resolvido afetivamente, não deveria pensar em bobagens. Gastei mais um período de minha cota mas em compensação tudo indica que meus bons hábitos, dentro da normalidade, esticarão para um pouco mais tarde o indesejado momento do fim.
Resumindo falo do medo que sinto. Assusto-me com a velhice.

Um comentário:

Elaine (Layne) disse...

Olá;

Só passei para lhe dar os parabéns!!! Tudo de bom! Agora entendo os seus medos, o porquê de ser tão crítico, e de vc ter tanto os pés enraizados no chão: vc é capricorniano!Um signo guiado pelo elemento terra. (Ah! Já sei, vc não acredita em nada disso!). Nada contra, minha filha também é...
Parabéns e muitas felicidades!!!