segunda-feira, setembro 24, 2007

Spring!

Quando eu era menino, querendo me entender por gente, ao ouvir falar em primavera imediatamente considerava-a de minha família. Poderia ser filha de algum tio distante. Tinha, porém, pouca curiosidade em conhecer essa prima. Da mesma forma que vovó traria, ao nos visitar, meus doces preferidos, ela viria com flores. Evoluí, é claro. Na época, projeto de homem, achava esse tipo de coisa feminino demais. Absolutamente fora de meu interesse.

27 comentários:

O Meu Jeito de Ser disse...

Pois é, os doces deliciosos da vovó sempre chegaram, mas a prima distante com as flores não chegaram nunca né?
Mas é gostoso sentir a primavera como alguém da família. Ela fica mais próxima.
Um beijo

valter ferraz disse...

Lord, sempre pragmático. Desde criança, vejo.
Grande abraço

Vivendo deixando a vida me levar... disse...

Ahhh meu querido Lord... sim como eh linda a primavera!!! Gosto muito, porém é o outono que me faz flutuar, bem como as folhas leves e secas que passeiam nas suas diferentes brisas....

Grande beijo e ótima semana pra vc!!!!

Vivendo deixando a vida me levar... disse...

Ahhh meu querido Lord... sim como eh linda a primavera!!! Gosto muito, porém é o outono que me faz flutuar, bem como as folhas leves e secas que passeiam nas suas diferentes brisas....

Grande beijo e ótima semana pra vc!!!!

mani disse...

Talvez por morar numa cidade eternamente quente, em que inverno é quando chove, nunca havia entendido realmente o que era a primavera até viajar...

perdidinha... disse...

rs... assunto feminino nada... flores tb são assunto de meninos uai!rs...
beijocassssssssssssssss!!!

Lord Broken Pottery disse...

Aninha,
Bem isso, uma prima distante que trazia flôres.
Beijão

Valter,
Nada de pragmatismo. Apenas ingenuidade ou burrice mesmo. Eu tinha cintura dura com as palavras. Se era primavera, tinha que ser minha prima: a prima Vera.
Grande abraço

Polly,
Eu gosto mesmo é de frio. Quanto mais melhor. Boa semana pra você também.
Beijão

Mani,
A primavera na Inglaterra é de enlouquecer os olhos. Jardins e flores embelezando cada canto que a vista alcança.
Grande beijo

Perdidinha,
Hoje bem mais que no meu tempo.
Beijão

Sandra disse...

Glória pelas mudanças! Nada mais insensível que homem insensível.

Beijos

Lord Broken Pottery disse...

Sandra,
É claro que eu mudei. Não dá pra não gostar de flores, dá? Hoje acho que sou razoavelmente sensível.
Beijão

Van disse...

E agora, nos dias de hoje?
O que acha?

Beijucas

Anunciação disse...

E a prima chegou novamente,né?Engraçado é que é prima de todos nós,a danada.

marilia disse...

Que bunitin...
eu tenho uma prima que se cahama vera e ela odeia a primavera...sempre foi motivo de chacota...rss tem nomes assim...
obrigad pela visita. eu tb fico feliz quando vc passa por lá.
hoje, escrevi uns poeminhas . "a lá lord"...rs
bjão e bom dia.

Eduardo P.L. disse...

Lord, tenho duas primas Vera. Para a vida toda!

(:-)

Jana disse...

Lord, Marilia, Anunciacao,
Pois eu REALMENTE achei, durante muito tempo, que a PRIMA VERA era uma pessoa, e muito especial, pois as pessoas esperavam a sua chegada com muita alegria: "A prima Vera ta chegando, trazendo suas flores, que bom! Puxa, acho que esse ano a prima Vera estara ainda mais bonita!" e por ai vai. Foi a maior decepcao quando descobri a verdade. Acho que ainda nao me recuperei direito...

maray disse...

não entendi: feminino demais é a primavera vir com flores ou sua avó trazer doces? E seu interesse agora recai sobre flores ou doces?? :)

Lord Broken Pottery disse...

Van,
Continuo gostando de doces e acho as flores muito bonitas. De preferência nos jardins.
Beijo

Anunciação,
De todos nós e celebrada por muitos.
Beijo

Marília,
Não imaginava que atormentassem as Veras. Vou ler os seus poemas.
Beijo

Jana,
Acho que você pegou bem o espírito da coisa. Quando eu era menino, durante muito tempo, também pensava que a prima Vera era gente.
Beijo

Maray,
Absolutamente fora de meu interesse, e feminino demais para mim na época, eram flores. De doces sempre gostei e nunca me preocupei em saber se tinham sexo. Meu interesso hoje recai sobre muitas coisas. Doces e flores, certamente, ocupam um espaço pequeno.
Beijo

Lord Broken Pottery disse...

Eduardo,
Primas de fato Veras, são mesmo pra toda vida.
Grande abraço

Adelino disse...

Lord, às vezes fico recordando quanta coisa pitoresca surgia desses nossos entendimentos de criaça. Eu pensava que quando uma mulher "dava à luz" ou "dava a luz", tinha relação com uma lâmpada incandescente, pode?
Grande abraço.

Ricardo Rayol disse...

acho que somos dois então, sempre achei que a prima era vera.

GUGA ALAYON disse...

hoje em dia começo a achar que Prima Vera é aquela prima distante, solteira, velha e frígida. Puta frio, meu!
abraços invernais

Maria Helena disse...

Lord
Gosto da meia estação, do outono e primavera.O equilíbrio do clima é agradável,nestas estações, nem muito calor nem muito frio.
A beleza das flores completa.
Bjs

Mário disse...

Lord, a prima Vera chegava todos os anos e você nem se tocava?...rs.

Já notou que tá tudo louco? Tá o maior frio aqui. Cadê a Prima Vera? Cadê?...rs

Boa semana, meu amigo!

denise disse...

Ah, ah, também pensei assim uma parte de minha infância... Gosto desta estação, do clima agradável, das flores. Hoje está frio aqui no Rio. Nublado. 18 graus. Estão acabando com a minha prima vera...
abraço, garoto

Lord Broken Pottery disse...

Adelino,
Eu também fazia essa mesma confusão. Convenhamos, dar a luz tem muito pouco a ver com parir, não é mesmo?
Abração

Ricardo,
Talvez seja característica de ricardos.
Abraço

Guga,
Que fique assim, esse friozinho está uma maravilha.
Abraço

Maria Helena,
Eu adoro o frio. Por mim, poderia estar nevando. Eu ficaria mais feliz.
Grande beijo

Mário,
Minha avó, que morava no Rio, também vinha todo ano. Frio? O tempo está ameno.
Abração

Denise,
O ponto de congelamento aí no Rio é diferente. Dezoito graus? Deve estar todo mundo congelado.
Beijo grande

Meg (Sub Rosa) disse...

Pois eu, já disse e repito:
Sou temperada;-)
Nada de excessos, nem calor nem frio demais.
Ô Lord, o frio entrando pelos olhos da gente...Ih!
Pra neve não a gente se prepara.
Mas inverno?
Só com camisa térmica.
Mas primavera é chic.
Beijos primaveris di una donna autunnale;-)
M.

Alena disse...

Lindinho... eu também pensava nesta tal prima ...

Lord Broken Pottery disse...

Meg,
Permita-me discordar. Nada mais chic que o frio. Você já viu alguém chic no sertão?
Beijo

Alena,
Percebo que muitos pensavam como eu.
Beijo

Alena,